Boteco Móvel











Para aumentar o tamanho da fonte tecle ' Ctrl ' e ' + ' juntos






Acompanhe o Boteco Móvel por  email

Coloque o seu endereço de e-mail:

Delivered by FeedBurner







A Igreja da Maconha no Brasil





A Igreja da Maconha no Brasil

A Constituição Federal consagra como direito fundamental a liberdade de religião. Então, há seis anos, o cidadão criou uma seita religiosa, construiu um templo, e hoje arrebanha um número crescente de fiéis. A Igreja prosperou e se tornou notícia. O lider do grupo deu entrevistas para jornais e para a Revista Trip. "Agora a coisa vai" ele deve ter pensado. E foi. Só que para a direção do xilindró. Foi o que aconteceu com Geraldo Antonio Baptista, também conhecido como Ras Geraldinho Rastafári, ativista social, ambientalista, publicitário, adepto do rastafarianismo(*) e fundador da Primeira Igreja Niubingui Etíope Coptic de Sião do Brasil. Em 22/06/2011, homens da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes invadiram o templo do Geraldinho na Rua Ramiro Neves, nº 86, na Chácara Praia dos Namorados, cidade de Americana, interior de São Paulo, e arrancaram todos os 26 pés da planta considerada sagrada pela religião e que seriam usadas na liturgia religiosa : a maconha. E ainda confiscaram a Bíblia Cannábica. Nem se importaram com a existência do alvará fornecido pela Prefeitura Municipal de Americana, comprovando que o local é uma entidade religiosa de direito e de fato. Sacanagem, nê Geraldinho ?! Foste acreditar no que diz a Constituição, é nisso que dá. Todos nós que carecemos da saúde e da educação prometidas, ja sabíamos que os nossos ditos Direitos Constitucionais são apenas logros.


(*) - Seita religiosa de jamaicanos de origem negra africana que crêem no retorno dos negros à África, usam cabelo rastafári e, fumam maconha como preceito religioso e acreditam que Haïlé Sélassié I (1892-1975), imperador da Etiópia (África) de 1930 a 1974, é o Messias.



Assista ao vídeo feita pela equipe da Revista Trip :






PUBLICIDADE
Revenda semi joias em consignação



4 comentários:

Sapo disse...

Tiozão, lendo o teu post tive a idéia de criar a Seita do Xibiu e da Cerveja. Deve arregimentar um bom número de seguidores e as drogas são lícitas.

Tiozão das Batidas disse...

Sapo, esta seita já existe, mas com outro nome, se chama Pancadão; nela, o hino se chama funk e o pastor Mc. Há uma liturgia chamada Noite do Apagão , quando as obreiras ajoelham para rezar e suplicam para receberem o falo sagrado de maneira semelhante à hóstia em outra religião.

Sapo disse...

Ah é?
Cheguei atrasado.
Talvez eu comece a frequentar e depois vire dissidente e funde a miha própria. Assim, como essa enxurrada de pseudo-evangélicos fazem...

Murilo disse...

esse pessoal ñ sabe oq fala mesmo, a religião rastafari usa a maconha só para seus cultos. E essa pessoas q ñ sabem oq falam e nem procuram saber do assunto fikam falando merda sobre a religião e outra coisa eu ñ sou da religião rastafari e nem faço o uso da maconha mas eu procuro saber antes de criticar então para as pessoas q falam sem saber procure antes de criticar.




Em Fevereiro de 2011 este site passou por uma reconstrução. Por este motivo muitos posts têm links internos quebrados. Eles serão consertados aos poucos.



Parceiros

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...